sábado, 13 de abril de 2019

Consultoria de imagem e estilo no ABC - Estilo com Alma

Nossa personalidade, valores, qualidades pessoais e competências profissionais muitas vezes não são percebidos pelo mundo da maneira que desejamos. Já se sabe que entre as formas de comunicação não-verbal, a maneira que nos apresentamos, seja por meio das roupas que escolhemos ou por nossa linguagem corporal, é a mais expressiva.

Temos acesso a muitas referências exteriores de imagem, de tendências e maneiras diferentes de usar determinadas peças - hoje basta pesquisar no Google e temos resposta pra tudo! -  mas a maior dificuldade está em justamente fazer escolhas que não só sejam adequadas e elegantes, mas que representem nossa essência. Uma peça ou cor vista isoladamente na vitrine não terá o mesmo efeito quando composta com outros elementos em nosso corpo, e para que esse resultado valorize nossas qualidades, a orientação de um profissional qualificado é essencial. 

Não basta ser uma amiga com bom gosto, ou alguém que "sempre gostou de moda". O processo de consultoria de imagem com foco no estilo com alma, método #StyleWithSoul, busca lhe dar as ferramentas necessárias para o aprimoramento de imagem e comunicação, com orientações sobre melhores modelos, cores, combinações, corte e coloração de cabelos, acessórios, e acima de tudo lhe guia em direção ao autoconhecimento. Conhecendo as regras e efeitos visuais, você não dependerá de outras opiniões e terá a segurança para escolher as melhores opções para VOCÊ!



(Workshop de Imagem e Estilo em São Bernardo do Campo - SP)



saiba mais clicando nos links abaixo ou entre em contato no e-mail contato@renatafalcao.com para informações e orçamentos.





moda no abc, personal stylist no abc, consultoria de imagem e estilo em Santo André - SP, consultoria de imagem e estilo em São Bernardo, consultoria de imagem e estilo em São Caetano do Sul, Renata Falcão consultora, especialista em cores no ABC, colorismo no ABC, análise de cores no ABC, teste de coloração pessoal no ABC, cartela de cores ABC

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Acessórios para cada cartela de cores - Brincos Coleção My Colors


Um sonho que se tornou realidade com o objetivo de unir as técnicas de análise de coloração pessoal e os acessórios femininos.
    O mercado de consultoria de imagem e estilo cresce a cada ano e o interesse em ter um profissional especializado para escolher as melhores cores, modelagens e estilos de roupas e acessórios não mais se limita às pessoas públicas ou à classe AAA. "Hoje todo mundo quer se sentir representado pela imagem que projeta e o que comunica de maneira não verbal em todos os ambientes, desde o social ao profissional", explica Renata Falcão, consultora de imagem membro da AICI - Associação Internacional do Consultores de Imagem, que há 7 anos largou a advocacia para se dedicar exclusivamente a este atendimento personalizado. 


Lançamento coleção My Colors realizado em Dez/18 na loja EIVI do estilista 
Arnaldo Ventura Golden Square Shopping - SBC


    Dentro de um processo de consultoria de imagem, o serviço queridinho é a análise de coloração pessoal, um estudo técnico para descobrir os tons que mais valorizam a coloração natural de cada pessoa. “As cores certas iluminam o rosto e trazem harmonia estética, enquanto os tons errados criam sombras, trazem um aspecto de cansaço e até ressaltam as linhas de expressão. Na análise, avaliamos diversas dimensões das cores presentes na pele, olhos e cabelos: a temperatura (subtom de pele quente ou frio), a profundidade (tons claros ou escuros) e a intensidade das cores. Feito isso, é selecionada uma cartela de cores personalizada contendo as melhores nuances para escolha de roupas, acessórios, maquiagem e coloração de cabelos.”


    Pensando nesta demanda e com dificuldades de encontrar opções no mercado que atendessem a todas as suas clientes, Renata criou, em parceria com Zefira Zeni - marca de acessórios de Monica Dargevitch de São Caetano do Sul, uma coleção pioneira de brincos com as principais características de cada cartela de cores do método sazonal. São quatro kits com os nomes das estações do ano – Primavera, Verão, Outono e Inverno - que representam a diversidade da mulher brasileira.  O projeto, que é novidade no mundo da moda, tem agradado inclusive outras profissionais da área, que conseguem encontrar em um só fornecedor, produtos que atendem às peculiaridades de cada mulher. Os kits contam com três modelos diferentes de brincos (sendo que o maior deles ainda pode ser usado de duas formas) que atendem estilos e situações diferentes da rotina de cada mulher. "Tudo foi pensado com muito carinho, sempre lembrando das necessidades e personalidades de todas as clientes que passaram pelo processo de consultoria comigo", diz Renata.



Kit Cartela de Inverno


Kit cartela de Outono



Kit Cartela de Verão

Kit cartela de Primavera

    A coleção My Colors é limitada e vendida diretamente pela marca Zefira Zeni, mas Renata já pensa em novas parcerias entre a consultoria de coloração pessoal e o mercado da moda. “Não existe regra geral. Entender as peculiaridades e características de cada pessoa e conseguir oferecer-lhes o que de fato poderá valorizá-las é o futuro do consumo de moda”, encerra a profissional.

    Compre aqui ou entre em contato pelo Whatsapp (11) 93802-3831

   Para realizar a análise de coloração pessoal e descobrir a sua cartela entre em contato pelo e-mail: contato@renatafalcao.com


sábado, 29 de setembro de 2018

Imagem política - comunicação não verbal dos candidatos à Presidência


Por que assistir à entrevista de um candidato a um cargo político pode influenciar de maneira tão contundente nossa opinião sobre ele?

Se você tem algum contato com estudos de comunicação, já deve ter ouvido falar da regra dos 7-38-55 do Professor Albert Mehrabian, o qual, juntamente com outros colegas da University of California, Los Angeles (UCLA) realizou, em 1960, um estudo sobre o impacto de três elementos na comunicação: o conteúdo das palavras (7%), o tom de voz (38%) e linguagem corporal (55%).

De fato, a percepção que temos de credibilidade, segurança, confiança de um candidato quando apenas o ouvimos, em uma entrevista de rádio, por exemplo, não será a mesma de quando observamos os detalhes de maior influência como comportamento, movimentos, olhares, gestos e postura.

Muito curiosa com o fato de pessoas próximas terem mudado seu voto após assistirem à entrevista de um dos candidatos – que aliás, hoje tem grandes intenções de voto nas pesquisas – fui incentivada, principalmente como profissional da área de consultoria de imagem pessoal e estudante de comunicação, a analisar os candidatos em aparições na mídia e identificar suas principais mensagens não verbais.

Sem julgar o conteúdo de suas falas e propostas eleitorais (assisti aos vídeos sem áudio), o que não foi objeto de minha análise, mas nem por isso deixa de ter sua fundamental importância, foram analisados vários aspectos da linguagem corporal. Todos são relevantes e juntos têm seus significados na comunicação, alguns com mais e outros com menos impacto, como por exemplo, a postura levemente curvada à frente, com os braços e mãos escondendo o rosto de um dos candidatos enquanto falava, pode ter transmitido a sensação de um profissional inseguro, características de alguém sem experiência ou despreparado para o cargo – ainda que não seja esta a real situação - prejudicando sua intenção de convencer mais eleitores.


Posição de encolhimento e bloqueio mostra insegurança


No entanto, o principal ponto a comunicar características de confiabilidade e competência, essenciais para um cargo público tão importante como o presidencial, foi sem dúvidas, em minha opinião, o uso do olhar. Quando alguém conversa conosco desviando o olhar em outras direções, sua credibilidade diminui drasticamente, ainda que esse comportamento ocorra por questões emocionais de timidez ou nervosismo. Por outro lado, pessoas que mantêm seu foco visual, na maior parte do tempo, em seu interlocutor, mostram interesse, poder de influência e geram engajamento.


Olhar desviado para diferentes pontos durante o discurso transmite instabilidade

Os candidatos que demonstram maior segurança na fala, que aparentam sinceridade e enviam mensagens não verbais de credibilidade, são  aqueles que olham diretamente para seus entrevistadores, sem desviar constantemente o olhar para as câmeras (o que pode tornar o discurso mais engessado e artificial) ou ainda para regiões aleatórias como “pontos invisíveis” ou o chão. Essa capacidade de manter o foco, apesar de muitas vezes ter sido objeto de treino e orientação profissional, pode ter origem em outras atividades e experiências de vida do indivíduo, que de alguma forma exercitam a disciplina e o controle pessoal, portanto, oferecendo maior segurança e estabilidade de comportamento.

Atenção oscilando entre o entrevistador e a câmera pode parecer ensaiado


Foco no entrevistador gera empatia e proximidade

Estes símbolos representativos e abastecidos de significados são percebidos assim por todos nós, estudiosos ou não dos elementos de imagem, tendo em vista que nossa evolução como espécie tem aprimorado a capacidade de identificar mensagens de perigo ou proteção, de quem devemos nos afastar e em quem confiar, baseado em elementos visuais do nosso entorno. 

Aqui não foram citados nomes, com o principal intuito de não ser um artigo parcial, mas apenas de tornar clara a importância da comunicação não verbal em nosso discurso e imagem projetada, seja ela pública política, ou mesmo em nossas relações sociais mais íntimas, sem relevância nacional.



quinta-feira, 25 de maio de 2017

Personalização é o caminho

foto Instagram @olivialambiasioficial


De volta após dois filhos, alguns fios de cabelos brancos e mais experiência, começo escrevendo que muita coisa mudou nestes últimos anos. Aliás, muito muda a cada dia não é mesmo? O mundo de blogueiras ditando moda também já se foi. Postar fotos com uma Chanel a tiracolo, em lugares badalados e viagens caras não mais seduzem um público que hoje tem mais sede do que nunca de individualização. Por isso, mais importante que receber dicas de moda, você está interessado em informação. E não basta aprender as linhas gerais. Todos nós estamos buscando constantemente a personalização. O luxo está na exclusividade e na personalização. Até mesmo quem tem uma bolsa Chanel, pagando alguns milhares de Reais para tê-las já não se contenta em parecer como os outros e prefere personalizar seu exemplar, como quem contrata a artista Olivia Lambiasi @olivialambiasioficial, que já há algum tempo dá uma cara nova às bolsas de suas clientes.

Da mesma forma, a consultoria de imagem parece ser a nova "profissão" de todas as blogueiras que já davam suas dicas de estilo conforme seu gosto pessoal. Antes os cursos somente eram encontrados em escolas estrangeiras ou com profissionais específicos que cobravam valores altos por sua hora. Hoje, já existem cursos livres no SENAC e até pós-graduação de Consultoria de Imagem. No entanto, acompanhando a crescente formação de profissionais nessa área, o interesse pela personalização deste serviço também tem aumentado neste último ano. Não basta saber os diferentes tipos de corpo, dando nomes de frutas ou de formas geométricas (o que nunca gostei!) ou saber que para combinar estampas é preciso escolher a mesma cartela de cores em ambas. O público se tornou mais exigente e os profissionais passaram a se diferenciar no mercado a partir de sua especialização. 

A capacidade de tornar o atendimento exclusivo com um resultado único, utilizando ferramentas que não se baseiam apenas em teoria, buscando individualizar o serviço de acordo com cada cliente é um grande diferencial e o que norteia a escolha de um bom profissional. Por isso, pra você que procura passar pela experiência de uma consultoria de imagem, as vivências anteriores em diferentes áreas, as habilidades pessoais e até a empatia ao lidar com cada pessoa (acredite, alguns profissionais ainda têm um ego muito grande pra superar) deve ser considerado ao escolher quem vai lhe auxiliar nesse fantástico processo de masterização pessoal.

Nossa consultoria é capaz de mudar a forma de enxergar a vida, como já testemunhamos em diversos clientes. Entre os resultados atingidos por cada um, o que mais me alegra é ver a mudança na autoestima, na confiança e no posicionamento nas relações sociais e profissionais de cada pessoa, que não apenas passa por um processo de se autoconhecer, mas que aprende que é possível sim ter o seu jeito, o seu estilo, aquilo que se encontra no mais íntimo do seu ser, exteriorizado, mesmo nas situações em que isso parece ser tão improvável. É integrar corpo, mente e energia interior e mostrá-la sem ruídos ao mundo!

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Crie o seu mundo perfeito



 Períodos de silêncio fazem muito bem, afinal somos donos das nossas ideias e reféns das palavras, certo?

 Depois de mais de um mês sem escrever por aqui, decidi, agora com três décadas de vida recentemente completadas (!), falar sobre a importância de criarmos nosso próprio mundo.

 As redes sociais combinadas com blogs pessoais conseguiram despejar uma quantidade imensa de ideias de como nossa vida deve ser para ser perfeita, desde corpos sarados no Instagram até fotos de festas de "reis do camarote" no Facebook. Os blogs com look do dia, se você ainda acompanha, também impõem essa necessidade de ter a última tendência de roupa ou sapato para garantir uma vida invejável. Cada um de nós tem uma ideia de felicidade e de vida perfeita. É certo que algumas coisas estão fora de nosso controle, como o lugar onde nascemos, a família que temos, a cultura de onde vivemos, que nos proporcionam opções de escolhas determinadas. Está sob nosso poder escolher dentre estas opções a que mais se encaixa com o estilo de vida que temos e que desejamos ter para alcançar nosso bem-estar. Será que vale mesmo a pena sacrificar momentos de prazer comendo com os amigos pra garantir a barriga da Gabriela Pugliesi, ou deixar de gastar seu suado dinheiro com uma viagem legal pra comprar o novo modelo de it bag que a Thassia Naves postou?

 A receita de felicidade é muito particular e a gente não pode se sentir pressionado a imitar estilos de vida que são perfeitos para algumas pessoas, mas que não necessariamente trarão alegria em nossas vidas! Viver um pouquinho da vida dos outros acompanhando as novidades nas redes sociais pode ser divertido, mas não precisamos ser tão exigentes com nós mesmos! 

 Inspire-se, mas seja responsável por criar o mundo que te faça feliz!

 

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Interessante, Interessado ou Interesseiro?

Foto Billy Kidd**

    Comportamento também faz parte da imagem pessoal. A maneira como tratamos as pessoas, os nossos gestos, forma de falar (palavras que usamos, entonação da voz, etc.) transmitem muitas informações sobre nós às pessoas com quem nos relacionamos. Esses detalhes são tão perceptíveis que às vezes têm o poder de contradizer todo um discurso verbal. Por isso, também falamos por aqui sobre comportamento!

  Você conhece aquela pessoa, um conhecido ou amigo do amigo, que raramente toma a iniciativa de te cumprimentar ou mesmo de fazer contato visual durante uma conversa em grupo, mas que quando precisa de alguma coisa que você pode lhe oferecer de vantagem te trata como amigo de infância? Pode ser que ele queira te vender alguma coisa, pedir algo emprestado, um favor ou mesmo se beneficiar de algum tipo de influência que você tem - financeira, social, profissional. Pessoas com esse tipo de interesse são facilmente identificáveis exatamente porque conseguem mudar completamente o comportamento a partir do momento que percebem uma oportunidade de vantagem pessoal. Claro que não sou hipócrita a ponto de dizer que nunca me interessei em manter uma conversa que poderia resultar em algo positivo pra mim, mas o limite entre um bate-papo interessante para ambos e uma interação com o objetivo de obter uma vantagem à custa do outro é muito sutil.

  Por isso, independente da pessoa que for inicialmente apresentada a você, seja educado, dê certa atenção, faça algumas perguntas e receba com um sorriso - seja INTERESSADO. Veja se têm algo em comum - afinal o networking ainda gera ótimas oportunidades - e se tiverem, procure estar presente e não se afastar por muito tempo, o que hoje é facilmente administrado através das redes sociais. Tenha sempre algo a oferecer de bom - seja INTERESSANTE. Assim, se algum dia precisar entrar em contato novamente para alguma ajuda, esse comportamento não será considerado estranho e você não será rotulado como interesseiro! Porque não deve existir nada pior do que perceber que as pessoas se afastam de você por ter uma imagem de colega "sanguessuga" - não seja INTERESSEIRO!


** A foto foi retirada de um editorial do fotógrafo Billy Kidd para a revista Numero. A modelo não está a cara de uma sanguessuga?

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Estilo Esportivo

  Começou a temporada de desfiles internacionais nesta semana, inaugurada com a Semana de Moda de Nova Iorque, me trazendo saudades daquela correria maluca de backstage. Ainda temos muito pra ver das marcas que desfilam suas coleções, mas já podemos usar algumas delas para ilustrar nossas dicas de estilo por aqui. 

  Vocês se lembram das Spice Girls? Cada integrante do grupo tinha um estilo diferente e bem característico. Entre elas estava a Mel C., a Sporty, com suas calças de basquete e tops de academia. Ela era nos anos 90 a representante de uma garota com estilo esportivo!

Mel C.

   Hoje, ter um estilo esportivo não precisa ser assim tão caricato. Meninas que gostam de conforto, praticidade, de se movimentar sem se preocupar com a roupa e de tecidos que absorvem facilmente o suor, podem escolher elementos esportivos de uma forma muito interessante e sem perder a feminilidade.

  Para o dia a dia, amarrações, bolsos e poucos detalhes são essenciais para o conforto. Roupas fáceis de vestir, como macacões e vestidos são ótimas escolhas. 

DIESEL BLACK GOLD

ELIE TAHARI

   Para incrementar as composições, adicione elementos como brilho, o metalizado e salto alto. Detalhes assim também fazem a transição do look do dia para a noite.

ELIE TAHARI

   A composição monocromática normalmente facilita a combinação das peças, no entanto, estampas e cores trazem dinamismo e transmitem maior informalidade.

ELIE TAHARI

TOMMY HILFIGER

J.CREW

J.CREW

  No trabalho, a camiseta usada com calça ou saia de alfaiataria pode ficar atual e representar jovialidade.
J. CREW

 Cortes mais retos, peças utilitárias, com pouca informação e muita praticidade são características esportivas que se adaptam muito bem ao traje profissional.

TOMMY HILFIGER

NARCISO RODRIGUEZ

NARCISO RODRIGUEZ

   A designer Vera Wang, muito cobiçada e conhecida por seus famosos vestidos de noiva, mostrou muitos elementos esportivos, como a jaqueta com zíper e mangas com elástico, ombros com corte nadador e tecidos tecnológicos.

VERA WANG

VERA WANG

VERA WANG

Fotos: Style.com